quinta-feira, 20 de outubro de 2016

Aproveite os últimos dias da 9ª Mostra Cultural da Cooperifa

O evento começou no dia 15 e vai até o dia 23 de outubro, com mesas redondas, cinema, sarau e shows 
Há 15 anos nascia o Sarau da Cooperifa, idealizado pelo poeta Sérgio Vaz. O sarau acontece toda quarta-feira e desde então transformou o bar do Zé Batidão – localizado no Jardim Guarujá, Zona Sul de São Paulo – em um centro cultural que valoriza e divulga a literatura da periferia. Um projeto de sucesso, que influenciou e deu origem a outros 50 saraus, além da publicação independente de mais de 100 livros.
Para comemorar estes 15 anos de história, arte, poesia e resistência acontece até o dia 23 de outubro a 9ª edição da Mostra Cultural Cooperifa. O evento rola em vários pontos da Zona Sul e  é gratuito. O último dia encerra com vários shows de artistas da periferia, incluindo Criolo.
>> 19 de outubro
13h30 – Bate papo – Escritas negras e as poéticas das ruasLocal: Casa do Zezinho (Rua Anália Dolácio Albino, 30 – Parque Maria Helena)
– Raquel Almeida (poetisa)
– Elizandra Souza (poetisa)
– Akins Kintê (poeta)
17h – Pocket Show com Jairo Periafricania e NegredoLocal: Casa do Zezinho (Rua Anália Dolácio Albino, 30 – Parque Maria Helena)
14h – Sarauzim dos Mesquiteiros
Local: SESC Campo Limpo (Rua Nossa Senhora do Bom Conselho, 120 – Campo Limpo)
20h – CIA Sansacroma com a peça Rebanho
Local: CEU Campo Limpo (Avenida Carlos Lacerda, 678 – Pirajussara)
>> 20 de outubro
09h30 – Trupe Lona Preta com a peça: O concerto da lona preta
Local: EMEF Anna Silveira (R. Rinaldo de Handel, 550 – Chácara Santana)
14h – Cia Solas de Vento com a peça: Os perdidos
Local: EMEF Mauro Faccio Gonçalves (Av. Raquel Alves Moreira, 823 – Parque Santo Antônio)
20h – Bate-papo e leitura de texto “A palavra das ruas”Local: SESC Campo Limpo (R. Nsa. Sra. do Bom Conselho, 120 – Campo Limpo)
– Marcelino Freire
– Sérgio Vaz
>> 21 de outubro

09h – Bate-papo – Ativismo na web.

Local: Escola Francisco de Paula Conceição Jr – Chiquinho (R. Domingos  Sequeira, 40 – Jd Mitsutani.
Como as ferramentas da web estão contribuindo para um movimento, ativismo e resistência do negro e da periferia; e o impacto do ativismo digital refletido nas ruas.
– Ana Paula Xongani (estilista)
– Joice Berth (arquiteta e urbanista)
– Semayat Oliveira (Nós Mulheres da Periferia)
– Livia Lima (Nós Mulheres da Periferia)
Pocket show com DOIspONTOZERO
19h – Show Mulheres no Rap
Local CEU Capão Redondo (Rua Daniel Gran, S/N – Capão Redondo)
– Lívia Cruz
– Odisseia das Flores
– Rimas e Melodias.
>> 22 de outubro
Local: CEU Cantos Amanhecer (Av. Cantos do Amanhecer, s/n – Jardim Eledy)
15h – Bate Papo – Saraus e a importância da poesia na periferia
– Mel Duarte (poeta e produtora cultural)
– Daniel Alexandrino (sarau Grajaú)
– Márcio Batista (sarau Cooperifa)
17h – Bate Papo – Micro-Áfricas em São Paulo: Arte, cultura e política
Mediador: Euller Alves (UMOJA)
– Marilú Santos Cardoso (Doutoranda em História – PUC/SP e Diretora da DIPED DRE CL)
– AMailton Magno Azevedo (Prof. Dr. no Programa de pós-graduação em história – PUC/SP)
– Jaiane Batista Estevan (Professora de filosofia, coordenadora do projeto café filosófico da periferia)
18h – Grupo Roda Viva – Show meu festival dos festivais
>> 23 de outubro. ENCERRAMENTO.Local: Praça João Tadeu Priolli – Praça do Campo Limpo (R. Dr. Joviano Pachêco de Aguirre – Jardim Bom Refugio)

15h – Shows– Fino du Rap & OuroeChá
– Cocão Avoz
– Poesia Samba Soul
– Inquérito
– Filosofia Reggae
– Criolo
SERVIÇOO que: 9ª Mostra Cultural da Cooperifa
Quando: de 15 a 23 de outubro
Onde: Zona Sul de São Paulo
Entrada gratuita. Mais informações acesse a página oficial do evento. 

sábado, 21 de maio de 2016

quarta-feira, 27 de abril de 2016

Lançamento do livro "Carro do Êxito", de Oswaldo de Camargo

Lançamento da segunda edição do livro "Carro do Êxito", do nosso querido mestre Oswaldo de Camargo  com ilustrações do grande artista Marcelo D`salete. 
Dia 03 de maio na Casas das Rosas, 19h.
Vamos nessa!
Edição: Selo Preto Black/Editora Córrego, 2016.

quinta-feira, 21 de abril de 2016

"Poesia Pra Encher a Laje", Renan Inquérito

Renan Inquérito lançança seu novo livro, "Poesia Pra Encher a Laje.
O livro traz produções escritas desde 2012 e é resultado do trabalho de Renan como poeta, rapper e educador. As poesias tratam de assuntos atuais, temas sociais, cotidianos, resultado da vivência com o hip hop, saraus, oficinas e todas as atividades de literatura, arte e educação com as quais o autor se envolve. “O conteúdo é muito próximo do rap, porque quando escrevo rap e poesia, escrevo a mesma coisa”, diz Renan.
Sobre o autorO nome é Inquérito, o vulgo é Renan. Autor do livro #PoucasPalavras - LiteraRUA (2011). Geógrafo, Mestre (sem) Cerimônia, compositor. Seu trabalho mistura arte e educação pelo viés do hip-hop e da literatura. Acredita que a poesia, para existir, tem que ser concreta. Afinal, depois de cheia, a laje vira espaço de festa e alegria. É também lugar dos saraus e dos varais, onde pessoas e roupas se estendem.
“Só quem encheu a laje vai poder tomar sol”.